Tragédia Anunciada: Caixa de água da DESO desaba e mata duas crianças em escola do povoado de Nossa Senhora das Dores

Duas crianças mortas no local da tragédia. 16 pessoas feridas, que foram atendidas na Clínica de Saúde da Família, uma delas foi transportada pelo GTA para o HUSE.


Foto divulgada nas redes sociais

Uma caixa de água da DESO localizada ao lado da Escola Municipal Professor Osman dos Santos Oliveira no povoado Campo Grande, no município de Nossa Senhora das Dores caiu sobre o telhado da referida escola e matou duas crianças e deixou outras 16 gravemente feridas na tarde desta segunda-feira, 06 de novembro de 2017.


No momento em que houve o desmoronamento que provocou a queda da caixa de água, havia várias pessoas no local, entre elas crianças e alguns adultos, professores e funcionários da referida escola.


Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e do Corpo de Bombeiros foram acionadas, além do Grupamento Tático Aéreo (GTA) que esteve no local dando suporte à equipe de resgate.


Foto arquivo visitedores.com

Todas as crianças e adultos feridos na tragédia foram atendidos pela equipe de plantão da Clinica da Família Adalula Costa a qual foi redobrada e recebeu apoio de médicos e enfermeiros das cidades de Siriri, Cumbe e Nossa Senhora da Glória. Além de muitos profissionais da saúde (Dores) que compareceram voluntários colaborando no socorro às vítimas, inclusive o próprio prefeito, Dr. Thiago Souza Santos e seu pai Dr. Gilberto dos Santos, ambos são médicos.


Segundo informações, a Companhia de Saneamento de Sergipe (DESO) confirmou que a caixa d’água pertence à empresa. “O reservatório tinha 13 anos de construído, possuía 15 metros de altura, com capacidade para 30 mil litros de água, era responsável pelo abastecimento do povoado, que tem 600 pessoas”, e ficava ao lado da unidade escolar, onde ocorreu a tragédia.


Populares do povoado Campo Grande, informaram que a DESO foi comunicada do perigo que a caixa d água oferecia, mas até o momento não tomou providências. “O problema da caixa d’água era antigo.


Foto arquivo visitedores.com
Centenas de pessoas passaram a tarde toda, concentradas em frente à clínica da saúde da família, onde aguardavam informações sobre o estado de saúde das vitimas.


Os Policiais Militares do 10ºBPM, os agentes do DMTT e GCM DORES juntos deram o suporte que se fez necessário.


Confira o video da entrevista com o médico Dr. Gilberto dos Santos


https://www.youtube.com/edit?o=U&video_id=HSdO7wAfKpk


Por, Delmanira Brito – Jornalista do visitedores.com

07 de Novembro de 2017,
Postado por Visite Dores em Notícias